o teu pêlo não néga padana

o teu pêlo não néga padana
laranja
e preta
e índia
e surda

o teu pêlo não néga padana
e surda
e muda
e outra
menina

o teu pêlo não néga padana
menina
e fêmea
e louca
e presa

o teu pêlo não néga padana
e presa
e pongo
e feliz
pigméia

feliz é o teu zêlo em ser de outra espécie
pongo en tu pello una loca mirada
que tu no te llamas pigméia ni nada

y demasiada y humana y nada
la demasiada la mona la nada
pra dona pidona padana perdona

perdona nosotros, por todo, por nada
perdona os outros por não ser mais nada
perdona a nós todos por sermos pra nada 

leipzig, dezembro de 2003
Anúncios
Esse post foi publicado em Bio Arte e marcado , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para o teu pêlo não néga padana

  1. Sig FF disse:

    muito legal… bonito mesmo y triste

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s